SE SOU LÍDER, SOU SERVO (A)!

17/06/2013 09:16

A história da humanidade é marcada por registros de nomes que escreveram boas e más páginas através do serviço prestado. Quantas não são as pessoas que deixaram seus nomes na história, que nos inspiram com atitudes que mudaram vidas e comportamentos, sempre com palavras de paz e consolação. Quantas não são às vezes em que  somos desafiados a ficar em silêncio. O silêncio nos convida a  observar  atitudes de vidas consideradas anônimas, diante do mundo, trazendo-nos diariamente lições inspiradoras,  tão somente baseadas na humildade de servas.

Biblicamente a vida se torna mais leve e fácil de ser vivida quando aprendemos a servir. Ao desenvolvermos essa prática, descomplicamos muitas coisas em nosso cotidiano. Há pessoas com extrema dificuldade em aprender a servir. Geralmente são pessoas que passaram a vida toda dando ordens e conduzindo pessoas ao seu jeito e modo, que acabam sofrendo quando precisam deixar ser conduzidas. Infelizmente acabam passando tal comportamento às gerações posteriores.  O mundo está cheio de pessoas assim!

Jesus demonstrou, por excelência, o que significa ser um líder servo e um servo líder. Quando os discípulos discutiam tal assunto,  e dois deles pediam lugar de destaque em seu Reino, simplesmente disse: “Não é assim entre vós; pelo contrário, quem quiser tornar-se grande entre  vós, será esse o que vos sirva; e quem quiser ser o primeiro entre vós, será vosso servo” ( Mateus 20.26,27).

Nenhum chamado divino exclui a responsabilidade do serviço, pelo contrário, a qualidade desse serviço deve ser melhorada dia após dia. A negligência provoca a ira de Deus, pois o próprio Deus nos considerou aptos quando nos chamou. Deus viu algo de bom em nós e não temos o direito de decepcioná-lo.

Se sou líder,  em alguma área da Igreja, sou servo e serva do Senhor Jesus.  Portanto, que todos, como Igreja de Jesus Cristo, possamos dizer como o salmista que servimos ao Senhor com alegria! (Salmo 100.2).

 

Rev. Silas de Oliveira