ORAÇÃO DE GRATIDÃO

03/12/2010 14:10

 1 Crônicas 29.10-22

 

No domingo passado fomos abençoados através da realização do Culto das Primícias. É possível afirmar, com profunda convicção, que irmãos e irmãs chegaram ao altar de Deus com corações agradecidos, reconhecendo os seus constantes cuidados e proteção.

 A oração de Davi registrada no livro das crônicas de Israel inspira-nos a agradecer. Davi era um grande administrador; conquistou terras e ampliou o Reino de Israel, oferecendo progresso à nação. Infelizmente, devido aos seus próprios erros, Deus o impediu de construir o templo, passando tal responsabilidade ao seu filho Salomão. Ao entregar a planta do templo a Salomão e ao observar a disposição do povo em contribuir, Davi orou ao Senhor, agradecendo por tão profunda atitude de gratidão. Nesta oração de louvor, alguns pontos fundamentais foram colocados diante de Deus pelo rei Davi.

Em primeiro lugar agradeceu pela soberania divina. Deus é soberano, pois dele “é o poder, a grandeza, a vitória e a majestade..” . O servo de Deus tem consciência do controle do Eterno sobre todas as coisas. Em um segundo momento reconhece o poder de Deus que ao criar todo o universo, continua cuidando e protegendo sua criação. Aliás, falando em cuidados, aqui está um terceiro e maravilhoso momento na vida do rei. Deus cuida dos seus filhos, pois como Pai amoroso, está sempre atento às suas necessidades. Por último, reconhece a fidelidade divina. Deus é fiel e ao suprir as necessidades da nação, demonstra seu grande amor e compaixão.

  A belíssima oração de Davi é um convite à reflexão. Durante todo o ano caminhamos com a Igreja procurando sempre, à luz da Palavra de Deus, ensinar os caminhos do Senhor. Quantas foram as bênçãos recebidas! Faltam-nos palavras para agradecer, pois é impossível contar as bênçãos. Dediquemos nossas vidas ao Senhor através do trabalho e do compromisso, vivendo sempre em paz e comunhão. A Deus todo louvor, toda honra e toda a glória!

  

Rev. Silas de Oliveira