“EU E A MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR” (Josué 24.15)

28/05/2012 10:50

Quando criança  aprendi na Escola Dominical uma música que nunca  mais saiu de minha memória. Baseada no versículo acima a música dizia: “Eu e a minha casa serviremos ao Senhor (2x). Aja o que houver, custe o que custar. Eu e a minha casa serviremos ao Senhor”.

Confesso que cantava esta música sem ter muito a noção da dimensão de sua letra e daquilo que meus pais sonhavam em relação a mim e aos irmãos. Crescendo fui percebendo que o desejo dos meus pais era trazer a proposta de Josué para dentro do nosso lar, rogando a Deus a sua ajuda e a sua bênção todos os dias.

Hoje, olhando para esta pequena canção posso compreender a dimensão do seu propósito. Além do desejo enorme do servir, verbo tão cantado e infelizmente pouco vivido por muitos, há duas expressões que merecem destaque e consideração.

A primeira refere-se às circunstâncias da vida familiar. “Aja o que houver”. O cântico é uma declaração de fé de que todas as lutas serão enfrentadas em família, bem como todas as soluções buscadas a partir da enorme disposição de servir a Deus. Nenhuma adversidade destruirá as bases sólidas de um lar que serve ao Senhor.

A segunda lição refere-se à expressão “custe o que custar”. Impossível não falar da vida familiar sem usar expressões que envolvam as nossas finanças. A letra não fala expressamente de dinheiro, mas diz que a manutenção da vida familiar envolve custos. Muitas vezes são altos e difíceis de serem saldados, mas não impossíveis diante de uma vida de serviço ao Senhor.

O segredo da vitória sobre as mais diversas situações e custos familiares está na convicção familiar de servir ao Senhor. Muitas famílias são conseguem viver estas duas realidades, por não colorem Deus em primeiro lugar. Decidem resolver todos os seus problemas achando que sozinhos conseguiram, e acabam se envolvendo em todos os tipos de dificuldades  e tristezas.

Prezado irmão e irmã. Coloque a  sua família diariamente diante de Deus e diga com alegria “Eu e a minha casa serviremos ao Senhor”.

Muita paz e bênçãos a você e ao seu lar!

 

Rev. Silas de Oliveira