DIA DA BÍBLIA

10/12/2012 16:12

 

“Bem-aventurados aqueles que lêem e aqueles que ouvem as palavras da profecia e guardam as coisas nela escritas, pois o tempo está próximo”.   (Apocalipse 1.3)

 

 

 

Hoje, segundo domingo de dezembro,  comemoramos em todo o mundo o Dia da Bíblia. Sua história tem início no século XVI (1549), quando o bispo inglês decidiu incluir no livro das orações do rei Eduardo VI, um dia especial de oração em favor do livro sagrado. A partir de então a comemoração difundiu-se por todo o mundo. No Brasil, esta preciosa data passou a ser comemorada a partir de 1850, quando das chegadas dos primeiros missionários. Contudo, a primeira manifestação deu-se somente em 1948, quando em São Paulo, um monumento foi erguido no museu do Ipiranga.

Não podemos e muito menos devemos permitir que esta data fosse esquecida. Quando lemos o texto acima, descobrimos preciosas lições que nos convidam à reflexão sobre a importância do livro sagrado. A Bíblia é uma fonte de felicidade e como tal encontramos em suas mensagens orientações vivas e indispensáveis ao nosso viver. O texto nos convida a pensar que  são felizes os que: 

1) Lêem seus ensinos  - Hoje temos a facilidade para a leitura da Palavra de Deus. Sua leitura está disponível  a todos que com coração aberto desejam conhecer suas mensagens. Infelizmente necessitamos reconhecer que a sua leitura tem sido cada vez mais escassa nos lares de muitas famílias chamadas cristãs. Se desejamos buscar orientações eternas para a verdade felicidade devemos transformar a leitura da Palavra de Deus em um hábito diário e cheio de prazer.

2) Ouvem seus ensinos -  Somente sua leitura não é suficiente. É preciso exercitar nossos ouvidos para ouvir a voz de Deus, pois a Bíblia Sagrada é uma das formas de como Deus anuncia sua vontade às nossas vidas. Conversamos com o Pai através da oração e Ele conversa conosco através do texto bíblico. Ele fala,  nós ouvimos -   Ele ensina, nós praticamos.

3) Guardam seus ensinos -  Aqui está o ponto maior de todo o processo de ler e ouvir. Ler e ouvir podem ser perfeitamente praticados até com extrema facilidade, contudo o ato de guardar  passa pelo coração.  Necessitamos guardar aquilo que tem um valor inestimável  e amamos profundamente. Sem amor,  rapidamente esquecemos,  e não nos importamos com sua validade.

Como anda sua prática de leitura da Palavra de Deus? Tem exercitado diariamente tão importante atividade. Lembre-se que todo o conceito de felicidade anunciado por Deus, tem origem na sua Palavra e na obediência para com os seus ensinos.

 

 

Rev. Silas de Oliveira

  1